7duracao

Introdução para vídeos no YouTube: quanto tempo deve durar? Devo ter uma?

Neste artigo vamos responder à pergunta: se você tem uma introdução no YouTube, quanto tempo ela precisa ter?
Antes de mergulhar no conteúdo, vamos resolver alguns equívocos comuns em torno dos termos vinheta e introdução.

O que é um vídeo de introdução do YouTube?
Tecnicamente, uma introdução é a parte do vídeo em que você o apresenta, mostra ou conta do que trata o vídeo.
Isso também é chamado de teaser.

O que é uma vinheta de vídeo do YouTuber?
Pode ser uma combinação de animação extravagante, logotipo, algumas filmagens de seus vídeos acompanhados de música ou efeitos sonoros.
A vinheta pode ser usado como uma expressão de branding do canal.

Muitas pessoas dizem “introdução” quando na verdade querem dizer “vinheta”.
Para consistência, vamos usar nesse artigo as palavras “vinheta” para a parte gráfica e teaser (introdução) para a parte falada de um vídeo

Por que você precisa de um vídeo de uma vinheta no seu vídeo do YouTube?

Branding
Se você fizesse essa pergunta a um profissional de marketing, ele diria: branding.
“Esta é uma expressão da sua marca, para que as pessoas possam se associar à sua marca.”

Queremos argumentar que existem outras maneiras de marcar seus vídeos: seu avatar, arte do canal e uma marca d’água de vídeo sendo as principais.
Se o vídeo de introdução (vinheta) é a única maneira de comunicar sua marca, você tem outros problemas com que se preocupar.

Confiança
Esse mesmo profissional de marketing argumentaria que uma introdução é o reconhecimento da marca.
Se você disser ou mostrar a mesma coisa repetidamente, é mais provável que as pessoas confiem em você ou em sua marca.
Gostaríamos de argumentar que existem outras maneiras de comunicar confiança.

Os espectadores podem ver seu rosto, olhar em seus olhos e ler suas emoções.
Novamente, se o vídeo de introdução (vinheta) é a única maneira de comunicar confiança, você tem outros problemas com que se preocupar.

Comunique o conteúdo do seu canal O único argumento válido para ter uma introdução (vinheta) no YouTube é dar ao seu espectador uma visão rápida do conteúdo do seu canal no YouTube. Você pode comunicar o que você (e seu canal) são se o espectador vir seu vídeo pela primeira vez. Mas para comunicar o conteúdo do seu canal, você precisa ter mais do que apenas um logotipo animado sofisticado.

Por que você precisa de uma introdução para seus vídeos no YouTube?

Em primeiro lugar, o teaser ou introdução de um vídeo faz com que o público já saiba o que vai encontrar naquele conteúdo. Serve bastante para criar expectativa, aumentar a atenção.

Mas claro, mesmo sendo importante, uma introdução (ou teaser) se for muito grande, vai matar a atenção do público em lugar de prender. Se você “enrolar” demais para soltar o conteúdo do vídeo, as pessoas vão perder a paciência e abandonar seu vídeo.

Como fazer uma boa introdução? Pense no seguinte: se você tivesse que resumir seu vídeo em menos de 30 segundos,  que você diria? Bem, essa seria sua introdução ideal.

 

 

Como saber se estou “enchendo linguiça”?

Quando você vê os espectadores colocarem timestamps (quando comentam: “o conteúdo começa no minuto 2:43”) em seus comentários ou vê comentários que dizem que não, você não vai direto ao ponto, esta é uma grande indicação de que você precisa encurtar o início de seus vídeos.
Em vez de ficar incomodado com a negatividade desses comentários, você precisa vê-los como sinais valiosos que seu público fornece para aumentar sua retenção de público.

A vinheta pode ser uma grande parte disso.
Lembre-se, se os inscritos veem seus vídeos com frequência, essas vinhetas se tornam irritantes.
Eles os viram repetidamente.

Qual deve ser a duração de uma vinheta em um vídeo do YouTube?

Pra resumir: a introdução do seu vídeo não deve ser superior a 1 minuto. Use uma vinheta de 2 a 5 segundos no máximo, caso contrário, as pessoas podem sair fora de seu vídeo. O comprimento exato depende do seu público. Um público mais jovem tem uma capacidade de atenção menor do que um público mais velho.

A melhor medida é testar isso em seu público: lance vídeos com e sem vinheta.
Em seguida, compare as estatísticas em seu gráfico de Retenção de público no YouTube Analytics.
De segundo a segundo, você pode ver onde os espectadores caem.
Provavelmente você verá que muitos espectadores pularão a introdução ou abandonarão o vídeo.

Muitos grandes YouTubers nem mesmo usam vinhetas em seus vídeos do YouTube.
Isso levanta a questão:

Você precisa de uma vinheta para seu canal no YouTube?

Não!
Mas usar uma variação na introdução é inteligente por causa do algoritmo do YouTube.

Muitas pessoas como já comentamos, com o tempo, simplesmente pulam as introduções e vão direto para o conteúdo de um vídeo.

Então, para manter o fluxo do vídeo, use um corte em J, para que o áudio do vídeo continue enquanto a imagem mostra o título.
As informações do vídeo continuam fluindo, portanto, não há necessidade de o visualizador clicar para sair. O ponto aqui é que o YouTube consegue “ler” textos em imagens. Então se você em lugar de usar uma vinheta, utilizar uma imagem mostrando o título de seu vídeo enquanto ainda se escuta você falando, você pode, ainda que de maneira muito discreta, estar ajudando o algoritmo a encontrar e classificar seu vídeo, como também não estará espantando sua audiência.
A tela de título pode até ser uma interrupção de padrão bem-vinda para manter os espectadores assistindo por mais tempo.

Armadilhas comuns de introdução do YouTube

Ego:
Quando você pensa nisso, se uma introdução do YouTube não beneficia o espectador, a introdução do vídeo do YouTube é uma coisa para o ego.
Diz basicamente: “olhe para mim, veja como sou incrível”.

Se você optar por usar um vídeo de introdução, torne-o curto e certifique-se de que beneficia o espectador.
Lembre-se de que o YouTube não é televisão.
YouTube é o YouTube com espectadores que têm a capacidade de atenção de uma banana.

Nunca no início de seu vídeo
Muitos criadores de conteúdo iniciantes do YouTube colocam seu logotipo ou introdução no início de seu vídeo, antes mesmo que o espectador receba algo de valor.
Um espectador decide em 8 segundos se ele (ou ela) quer ver o vídeo ou não.
Você tem 8 segundos para convencer o espectador a ficar, não perca isso na sua introdução.

Os criadores experientes que prestam atenção aos seus gráficos de retenção de público sabem disso.
Em outras palavras: parece amador.
Pessoalmente, se vejo um vídeo que começa com a introdução, clico fora.
Eu sei que muitos espectadores fazem o mesmo.

Ter um vídeo de  introdução de qualidade incompatível com a qualidade do conteúdo do vídeo
Alguns criadores colocam seu coração e alma na melhor  criação de vídeo de introdução de suas vidas!
Mas quando a qualidade e o estilo da introdução do vídeo não correspondem ao resto do vídeo, você fica mal.
Melhor não ter um vídeo de introdução do que um que não corresponda à marca, estilo e qualidade do seu vídeo.

Em resumo

Não é essencial ter uma vinheta para seu vídeo.
Pule totalmente esta introdução do vídeo ou use uma tela de título (como explicamos).

Se você ainda quiser usar um vídeo de introdução do YouTube:

  • Faça-o super curto, de preferência 2 segundos ou menos.
  • Comunique o conteúdo ou objetivo de seu canal

Se você não concorda com nossa opinião, olhe seu gráfico de Retenção de público no YouTube Analytics.
Sempre dirá a verdade sobre o estilo do seu vídeo e o seu público

E se você quer assessoria para sua carreira de YouTuber, CLIQUE AQUI.

3 Responses

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

code