ideias para videos no youtube

Sem ideias de vídeo para o YouTube? Veja aqui 161 ideias para vídeos do YouTube!

Se você cria conteúdo para o YouTube, com certeza você já teve momentos em que parecia que a criatividade estava em falta. Parece que você já gravou “tudo o que tinha para gravar” sobre seu nicho. Ou pode ser que você simplesmente está passando por uma pane criativa.

Pensando nisso, separamos para você 161 ideias para que você possa produzir vídeos. Também pensamos que essa lista de sugestões vai te ajudar bastante se você está pensando sobre que nicho vai se dedicar no YouTube. Então, vamos lá! Ah, mas primeiro, precisamos comentar que separamos a lista por assunto: música, gamer, tecnologia, culinária e humor. Claro, existem outros tipos de nichos, mas aqui preparamos os mais comuns no YouTube. Dito isso, vamos ao conteúdo!

 

Ideias para vídeos no YouTube

Na área de música:

 

  1. Criar e postar músicas originais. Se você gosta de músicas e sabe como criá-las (existem vários programas para celular e PC para isso), pode criar um canal para postar suas músicas.
  2. Fazer covers de músicas famosas. Tem talento para música? Experimente fazer covers, mas cuidado com direitos autorais.
  3. Fazer análises de vídeos musicais famosos. Use seu lado de “crítico musical” e prepare suas análises.
  4. Versões próprias de músicas conhecidas. Você pode preparar versões exclusivas de músicas e criar animações para ilustrar a música.
  5. Shows ao vivo: se você sabe cantar e tocar e tem uma banda ou um grupo de amigos que sabe tocar instrumentos, que tal se apresentar ao vivo no YouTube?
  6. Vídeos de humor com paródias de músicas famosas.
  7. Aulas de canto
  8. Aulas de música em geral
  9. Aulas de algum instrumento musical
  10. Aulas de composição musical
  11. Quiz musical: um jogo de perguntas e respostas sobre música
  12. Vídeos com versões mashup de músicas. Estão em alta hoje em dia
  13. Se você tem banda musical, vídeos mostrando o dia a dia de sua banda
  14. Paradas de sucesso. Mostrando as 10 melhores da semana e comentando os resultados
  15. Curiosidades sobre músicas famosas
  16. Curiosidades sobre bandas e cantores famosos
  17. Contar a história de um cantor ou cantora famoso
  18. Contar a história da invenção de instrumentos musicais
  19. Contar a história dos álbuns musicais mais famosos
  20. Falar sobre fofocas do mundo da música
  21. Mostrar vídeos em que animais de estimação tocam instrumentos musicais
  22. Tutorial de manutenção de instrumentos musicais
  23. Avaliações de aplicativos de música.
  24. Vídeos com batalhas de dança. Você e amigos se enfrentam em desafios de dança e o público decide nos comentários quem ganhou.
  25. Aulas de dança
  26. Conte a história de certo ritmo musical
  27. Conte a história de certa dança
  28. Aulas de dança para crianças
  29. Tutorial de como criar música usando aplicativos
  30. Tutorial de como fazer versões remixadas de músicas
  31. Vídeos de reação a vídeos musicais
  32. Notícias sobre o mundo musical
  33. Tutorial de como criar instrumentos musicais em casa
  34. Dicas sobre os melhores fones de ouvido atualmente
  35. Análise de desempenho de instrumentos musicais

 

Ideias para canais gamer

 

  1. Análise de jogos em alta
  2. Análise de jogos clássicos
  3. Gameplay de jogos em alta
  4. Gameplay de jogos clássicos
  5. Lista com sugestões dos melhores games do momento
  6. Gameplays ao vivo
  7. Debate sobre eventos de eSports
  8. Vídeos especializados em um game que seja do interesse de grande público
  9. Dicas de como passar de fases em games
  10. Vídeos com “detonados” de games
  11. Quiz sobre certo game
  12. Vídeo contando a história de certo game (está em alta atualmente)
  13. Vídeo com “filmes” de games. Nesse vídeo, você separa todas as cenas animadas de um game e monta um filme com elas.
  14. Jogando um game desconhecido para você e dizendo suas impressões
  15. Lista de games que o público deve evitar por algum motivo no momento
  16. Lista de sugestões de games que valem a pena por estarem baratos
  17. Lista de games curtos
  18. Lista de games longos
  19. Curiosidades sobre um game
  20. Curiosidades sobre uma produtora de games
  21. Segredos de bastidores na criação de um game
  22. Curiosidades sobre consoles de video game
  23. Vídeo com reação a alguma gameplay
  24. Vídeo mostrando sua primeira impressão ao jogar um game famoso pela primeira vez
  25. Notícias do mundo dos jogos
  26. Comentar sobre tendências e o futuro de games.
  27. Truques para se dar bem em algum jogo
  28. Compare dois ou mais jogos que tenham algo em comum.
  29. Video falando sobre os tipos de game que existem (RPG, FPS, etc)
  30. Mostrando seu inventário de algum game famoso
  31. Lista com as melhores/piores coisas referentes a um game
  32. Lista de cheat codes para games
  33. Vídeo com perguntas e respostas sobre games
  34. Vídeo com desafio relacionado a games.
  35. Compilações de gameplays engraçadas
  36. Vídeo com memes de games
  37. Mostrando sua coleção de games
  38. Mostrando cenas marcantes em games
  39. Videos de speedrun.
  40. Fale sobre expectativas para lançamentos futuros de games

Ideias para canais de Tecnologia

  1. Review de produtos de tecnologia
  2. Mostrar as especificações de produtos
  3. Testes com produtos
  4. Comparativo de produtos
  5. Lista dos melhores softwares em certa área
  6. Lista dos produtos mais vendidos de tecnologia
  7. A história de um produto
  8. Explicando uma tecnologia nova de maneira simples
  9. Mostrando produtos novos no mercado
  10. Mostrando seus produtos preferidos
  11. Notícias sobre tecnologia
  12. Falando sobre diferentes tipos de hardware
  13. Falando sobre computadores
  14. Falando sobre hardwares específicos
  15. Mostrando novidades tecnológicas que virão em breve
  16. Dando dicas dos melhores produtos de tecnologia para comprar
  17. Explicando conceitos sobre algum hardware de maneira simples
  18. Vídeo de perguntas e respostas sobre tecnologia
  19. Truques para o melhor uso de algum produto tecnológico
  20. Vídeo em que você desembala produtos “junto” com o público.
  21. Vídeos no estilo “faça você mesmo”
  22. Entrevistando especialistas
  23. Recomendações dos produtos com melhor preço no momento
  24. História de grandes empresas de tecnologia
  25. Comentando eventos de tecnologia
  26. Tutoriais de como fazer algumas instalações
  27. Experimentos tecnológicos
  28. Comentar a tecnologia usada em algum filme
  29. Mostrar em detalhes como funciona um dispositivo
  30. Aulas relacionadas a tecnologia

Ideias para canais de culinária

  1. Vídeos de como usar talheres de maneira adequada
  2. Como usar diferentes tipos de facas
  3. Como cortar alimentos de maneira fácil
  4. Como lavar louças de maneira fácil
  5. Segredos de pratos fritos perfeitos
  6. Segredos de pratos assados perfeitos
  7. Como assar carnes
  8. Lista de produtos veganos interessantes
  9. Lista de produtos cetogênicos
  10. Lista das principais dietas
  11. Video com sobremesa diet
  12. Receitas seguras para que crianças preparem
  13. Tentando fazer comida enlatada em casa
  14. Tentando reproduzir em casa comidas famosas
  15. Dicas dos melhores restaurantes de sua cidade
  16. Dicas dos melhores locais de comida de rua de sua cidade
  17. Contando a história de criação de um prato famoso
  18. Review e crítica de algum restaurante. Existem canais que fazem muito sucesso nessa área
  19. Review e crítica de supermercados e afins
  20. Vídeos engraçados com comida
  21. Tutoriais de como fazer decoração de bolos
  22. Como fazer salgadinhos
  23. Como montar um negócio na área da alimentação
  24. Mostrando a comida típica de países
  25. Como preparar bebidas
  26. Contanto a história de criação de alguma bebida famosa
  27. Analisando um aplicativo de culinária
  28. Mostrando sua comida favorita
  29. Como fazer compras de comida de maneira eficiente
  30. Como conseguir os melhores preços de supermercado
  31. Aulas de culinária
  32. Aulas de preparo de bebidas
  33. Receitas de comida saudável
  34. Como preparar um piquenique
  35. Comidas preferidas dos famosos

Ideias para canal de humor

  1. Vídeos de “trollagem”
  2. Vídeo mostrando uma apresentação de humor sua ao vivo em algum local público
  3. Desafios entre amigos.
  4. Vídeo humorístico, contanto piadas
  5. Uma encenação humorística.
  6. Tutoriais engraçados de coisas sérias (exemplo: como estudar estando de cabeça pra baixo).
  7. Lista de situações engraçadas que você já vivenciou
  8. Comentando coisas que você acha engraçadas na vida das pessoas
  9. Jogos entre amigos de perguntas e respostas
  10. Maneiras engraçadas de preparar uma receita famosa
  11. Tente não rir
  12. Respondendo a perguntas de seguidores de maneira engraçada
  13. Fazendo uma paródia musical
  14. Fazendo uma sátira a algum programa de TV
  15. Reagindo a apresentações ao vivo que não deram certo
  16. Reagindo a pessoas reagindo a algo
  17. Fazendo “releituras” de coreografias famosas de músicas de maneira engraçada
  18. Contando estórias com personagens criados por você
  19. Fazendo uma animação de humor
  20. Video ao estilo stop motion engraçado
  21. Vídeo com redublagem de cenas de filmes ou programas de TV

Como comentamos antes, existem outros nichos no YouTube que você pode trabalhar também. Mas esperamos que essa lista te ajude ter ideias para seus vídeos. E claro, se você precisa de ajuda com sua carreira de influenciador, CLIQUE AQUI e conheça nossos serviços!

 

 

 

Detalhes que você deve saber sobre o algoritmo do YouTube. Um guia para obter mais visualizações

O algoritmo do YouTube decide o que as pessoas assistem no YouTube 70% do tempo . E de acordo com o Pew Research Center, 81% dos usuários americanos do YouTube dizem que assistem regularmente a vídeos recomendados pelo algoritmo.

Se você é um criador que trabalha para obter mais visualizações no YouTube ou uma marca que está desenvolvendo sua estratégia de marketing no YouTube , o algoritmo de recomendação da plataforma conta muito. Então, como você otimiza seu canal e vídeos para trabalhar com ele, e não contra ele?

O YouTube geralmente não é conhecido por ser super transparente com criadores ou anunciantes sobre como seu famoso algorítimo funciona. Portanto, neste artigo, vamos dar uma olhada na história das prioridades do YouTube quando se trata de ajudar os espectadores a descobrir novos vídeos. Vamos mostrar como o algoritmo funciona, bem como todas as alterações de algoritmo do YouTube mais recentes para 2020.

O que foi e o que é importante para o algoritmo do YouTube

O primeiro vídeo do YouTube foi carregado em 2005. Quinze anos depois, as pessoas estão enviando 500 horas de vídeo para a plataforma a cada minuto.

Como 2 bilhões de usuários encontram o que desejam assistir? A resposta curta é que isso mudou ao longo dos anos. Mas aqui está a longa resposta também:

2005-2012: contagem de visualizações (também conhecida como cliques)

Nos primeiros sete anos, o YouTube recompensou os vídeos que obtiveram cliques, em vez daqueles que mantiveram os usuários envolvidos.

Obviamente, esse sistema tinha uma tendência a mostrar às pessoas muitos clickbait: títulos e miniaturas enganosos proliferaram. Os usuários clicam, mas depois se sentem enganados, provavelmente um pouco irritados, e abandonam os vídeos no meio. Eventualmente, o YouTube percebeu que a experiência do usuário estava indo por água abaixo e mudou de prática.

2012: tempo de exibição (também conhecido como duração da exibição)

Em 2012, a plataforma anunciou uma atualização do sistema de descoberta projetado para identificar os vídeos que as pessoas realmente querem assistir . Ao priorizar vídeos que prendem a atenção o tempo todo (além de aumentar a quantidade de tempo que um usuário passa na plataforma em geral), o YouTube pode garantir aos anunciantes que está proporcionando uma experiência valiosa e de alta qualidade para as pessoas.

Enquanto isso, o YouTube também estava incentivando os criadores a parar de se preocupar com a otimização de algoritmos (ou seja, tornar os vídeos mais curtos para obter uma taxa de retenção mais alta ou torná-los mais longos para acumular mais tempo de exibição).

Em vez disso, como ainda faz hoje, o YouTube encorajou as pessoas a apenas “fazer vídeos que as pessoas queiram assistir”.

2016: Machine learning (também conhecido como algoritmo)

Em 2016, o YouTube lançou um white paper causou sensação. Nele, os engenheiros de produto descreveram o papel das redes neurais profundas e do machine learning no sistema de recomendação da plataforma.

É claro que, apesar de todo o jargão impressionante, este white paper não foi revelador. Você pode ler, mas mesmo que entenda (ou peça a seu amigo inteligente para lhe explicar), não é equivalente à receita secreta da Coca-Cola. (É mais como se a Coca-Cola anunciasse que a razão de sua bebida ser tão saborosa é porque ela passa por um processo de carbonatação e também contém açúcar.)

E como está agora o algorítimo?

2016-2020: Conteúdo limite, desmonetização e segurança da marca

Nos últimos anos, o YouTube tem enfrentado uma abundância de perguntas sobre o tipo de vídeos seu algoritmo de superfícies e promove (ou não).

De acordo com a CEO do YouTube, Susan Wojcicki , o YouTube está levando suas responsabilidades a sério e tentando equilibrar uma gama ampla e justa de opiniões garantindo que informações perigosas não se espalhem. Por exemplo, o YouTube diz que as mudanças no algoritmo no início de 2019 levaram a 70% menos tempo de exibição para conteúdo “limítrofe” . (Conteúdo limítrofe é definido como conteúdo que não viola totalmente as diretrizes da comunidade da plataforma , mas é prejudicial ou enganoso.)

É um assunto complicado porque afeta todos os assuntos: da supremacia branca ao coronavírus. Por exemplo, em março de 2020, os criadores do YouTube dizem que a plataforma estava desmonetizando vídeos que tanto faziam alusão à existência do coronavírus . A posição do YouTube, por sua vez, é que deseja apoiar uma diversidade de opiniões (ou seja, como os governos devem responder ao coronavírus), mas não as perigosas (ou seja, vídeos dizendo que o vírus é uma farsa ou que beber desinfetante para as mãos vai curá-lo ) Wojcicki anunciou que “quando as pessoas acessam o YouTube em busca de tópicos sobre o coronavírus, em média 94% dos vídeos que veem nos 10 primeiros resultados vêm de canais de alta autoridade”.

Independentemente de onde você está, os desenvolvimentos são contínuos, então esta é uma discussão importante para os criadores e anunciantes se manterem informados.

Se você é um criador, lembre-se de que só porque o algoritmo está recompensando o conteúdo que você cria com alta visibilidade e receita de anúncios, não significa que o YouTube não mudará e desmonetizará seu canal ou vídeo se seu conteúdo ultrapassar os limites para algo anunciante achar questionável.

Enquanto isso, os anunciantes precisam saber que seus anúncios de tênis não estão financiando movimentos antivacinas ou teóricos da conspiração. O algoritmo do YouTube em sua forma atual é projetado para desmonetizar conteúdo limítrofe, principalmente para proteger as marcas. Ao mesmo tempo, o YouTube afirma que talvez nunca seja capaz de garantir 100% de segurança da marca.

Como funciona o algoritmo do YouTube em 2020?

De acordo com o YouTube, o algoritmo é basicamente um “loop de feedback em tempo real que adapta os vídeos aos diferentes interesses de cada espectador”. Ele decide quais vídeos serão sugeridos para usuários individuais.

Os objetivos do algoritmo são duplos: encontrar o vídeo certo para cada espectador e fazer com que os espectadores continuem assistindo . Portanto, o algoritmo está observando o comportamento do usuário tão de perto quanto observa o desempenho do vídeo.

Os dois locais mais importantes nos quais o algoritmo impacta são os resultados da pesquisa e os fluxos de recomendação .

Como o algoritmo do YouTube influencia os resultados da pesquisa

Sem surpresa, os vídeos que você começa quando você pesquisar “casa plantas carnívoras” será diferente dos vídeos que eu recebo quando eu procurar “as plantas da casa carnívoros.” Os resultados da pesquisa são baseados em fatores como:

  • Os metadados do seu vídeo (título, descrição, palavras-chave) e quão bem eles correspondem à consulta do usuário
  • O envolvimento do seu vídeo (curtidas, comentários, tempo de exibição)

Como o algoritmo do YouTube influencia os vídeos recomendados

O fluxo de recomendação é um processo duplo para o algoritmo.

Primeiro, ele classifica os vídeos atribuindo-lhes uma pontuação com base nos dados de análise de desempenho. (Role para baixo para ver nossa lista de todos os fatores conhecidos.)

Em segundo lugar, ele associa vídeos a pessoas com base em seu histórico de exibição e no que pessoas semelhantes assistiram.

A ideia não é identificar vídeos “bons”, mas fazer a correspondência entre os espectadores e os vídeos que eles desejam assistir. O objetivo final é que eles passem o máximo de tempo possível na plataforma (e, portanto, vejam o máximo de anúncios possível).

Para registro, existem três outros lugares onde o algoritmo causa um grande impacto:

  • Sua página inicial do YouTube
  • Vídeos populares
  • Suas inscrições
  • Suas notificações

Como o YouTube determina o algoritmo

Embora não trabalhemos no Google, aqui está uma lista de execução de todos os diferentes fatores que o YouTube mencionou em suas várias discussões públicas do algoritmo ao longo dos anos.

Ao classificar um vídeo, o algoritmo analisa o desempenho :

  • Se as pessoas clicam em um vídeo (também conhecido como impressões x visualizações: miniatura e título são importantes, aqui)
  • Quanto tempo as pessoas passam assistindo a um vídeo (tempo de exibição ou retenção)
  • Quantos likes, dislikes, comentários ou compartilhamentos um vídeo obtém (também conhecido como envolvimento)
  • A rapidez com que a popularidade de um vídeo aumenta ou não (isso é chamado de velocidade de visualização, taxa de crescimento)
  • Quão novo é um vídeo (novos vídeos podem receber atenção extra para dar a eles a chance de uma bola de neve)
  • Com que frequência um canal envia novos vídeos
  • Quanto tempo as pessoas passam na plataforma depois de assistir a um vídeo (tempo da sessão)

Quando combina um vídeo com um possível espectador, o algoritmo analisa a personalização :

  • Quais canais e tópicos eles assistiram no passado?
  • Com o que eles se envolveram no passado?
  • Quanto tempo eles passam assistindo?
  • Quantas vezes este vídeo já apareceu para esta pessoa?
  • O que eles não assistem?

7 dicas para melhorar seu alcance orgânico no YouTube

Aqui está nossa lista de métodos empatados e verdadeiros para jogar bem com o algoritmo.

1. Otimize o texto de descrição de seu vídeo

Ao contrário da crença popular, aquele bloco de texto abaixo do seu vídeo não é apenas um local para criar um link para suas redes sociais (embora você definitivamente deva fazer isso também). Também ajuda o algoritmo a revelar seu vídeo quando os usuários estão procurando por seu tópico. Portanto, certifique-se de carregar a primeira frase com uma descrição clara e focada em palavras-chave de seu vídeo.

Como nos exemplos acima, certifique-se de:

  • Use uma linguagem natural, não uma salada de palavras-chave
  • Concentre-se em uma ou duas palavras-chave e repita-as na descrição e no título

2. Se algo funcionar, tente de novo

O algoritmo do YouTube quer dar às pessoas mais daquilo que elas gostaram no passado. Faça experiências com habilidade, receba feedback do público e dê a todos tempo para se ajustarem.

3. Publique com frequência

A quantidade de vídeos e a frequência de upload são fatores importantes para o algoritmo e, especialmente, para a tela inicial do YouTube. (É aquela lista personalizada de vídeos novos e interessantes que se parece com a página de exploração do Instagram ).

Se você pode aumentar a quantidade sem perder qualidade, vá em frente. Quanto mais vídeos você publicar, maiores serão as chances de acertar o nervo certo. Talvez você possa transformar aquele grande sucesso em uma série. Ou você pode introduzir um novo recurso semanal de baixo esforço que se encaixa no nicho estabelecido de sua marca; como um vídeo de reação na terça-feira ou uma sessão de estudo comigo na quarta-feira ou um stream do Twitch na quinta-feira.

4. Torne seus vídeos públicos quando seu público estiver assistindo

O tempo para retorno é um fator de classificação importante para cada algoritmo de mídia social que podemos citar (o algoritmo do Instagram , o algoritmo do Twitter , o algoritmo do Facebook ), e o YouTube não é exceção.

O recurso de notificações do YouTube avisa seus assinantes quando você envia um vídeo e é definitivamente mais eficaz se isso acontecer quando eles estiverem procurando por algo novo para assistir.

Mas, de modo geral, recomendamos dar uma olhada em seu YouTube Analytics para escolher o melhor momento do dia ou da semana para lançar sua mais nova obra-prima. Em muitos casos, isso também significa agendar seus vídeos do YouTube com antecedência.

5. Mantenha os espectadores envolvidos durante todo o vídeo

Outra métrica de desempenho chave para o algoritmo é a duração da visualização. Você pode receber conselhos que defendem que seus vídeos sejam mais curtos ou mais longos, mas, na verdade, apenas torne-os o mais interessantes e divertidos de assistir possível.

Depois de ter encantado as pessoas para assistirem até o fim, você pode ir em frente e usar cartões finais e / ou listas de reprodução para sugerir que assistam ao seu próximo vídeo. Porque ninguém precisa de um algoritmo de recomendação se as pessoas confiarem em suas recomendações, certo? 

6. Envolva-se com sua comunidade

Nunca vamos parar de dizer isso. Responda aos seus comentários. Fale com seu pessoal. Lembre-se de que o algoritmo “sabe” se você está tendo conversas significativas ou apenas fingindo para aumentar suas métricas de vaidade.

Se você está na posição de ter muitas pessoas para responder, você sempre pode fazer um vídeo de apreciação. Como este vídeo, onde esta raposa analfabeta consegue ouvir todos os elogios que as pessoas lhe fazem.

7. Transforme espectadores em inscritos

De acordo com o YouTube, os assinantes de seu canal fornecem uma série de sinais iniciais importantes que ajudam a ditar o sucesso de seu vídeo. Em outras palavras, esses fãs são o campo de testes – se eles gostarem, é mais provável que o algoritmo mostre o vídeo para novos olhos.

fonte: https://blog.hootsuite.com/

E se você precisa de ajuda para sua carreira no YouTube, conheça nossos serviços de assessoria. CLIQUE AQUI.